domingo, 22 de dezembro de 2013

Projeto de Integração São Francisco


São mais de 7.800 pessoas empregadas na maior obra de infraestrutura hídrica do país
Jati-CE, 20/12/2013 – As obras do Projeto de Integração do Rio São Francisco dobraram o número de trabalhadores empregados. Hoje, as obras do São Francisco possuem mais de 7.800 profissionais atuando ao longo dos 477 km de extensão dos Eixos Norte e Leste. No ano passado, cerca de 3.900 estavam contratados. O ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira, cumpriu agenda de vistoria técnica nas obras, nos últimos dois dias, nos estados de Pernambuco e Ceará.
As atividades do empreendimento, que passam pelos municípios pernambucanos de Sertânia, Custódia, Betânia, Floresta, Cabrobó, Salgueiro, e Jati, no Ceará, foram vistoriadas. Nesses municípios estão sendo implantados os serviços das Metas de Execução 1 Leste, 2 Leste, 3 Leste, 1 Norte e 2 Norte do projeto.
Segundo Francisco Teixeira, as frentes de serviço do projeto serão novamente intensificadas. “A tendência é que aumente o número de contratações. Com isto, o ano de 2014 será de muita aceleração nas obras. Temos trechos que funcionam 24 horas por dia, como é o caso das três estações de bombeamento do Eixo Norte. Isso significa que conseguiremos cumprir as metas de execução do projeto até 2015”, completou o ministro.
Além do Projeto de Integração do Rio São Francisco, o ministro também destacou a atuação do governo federal nas ações de convivência com a seca, como o Canal das Vertentes Litorâneas, localizado na Paraíba; o Cinturão das Águas, no Ceará; e a Adutora do Agreste, em Pernambuco.
“Essas obras vão fazer a água chegar aos mais de 12 milhões de pessoas, que serão beneficiadas pelo Projeto São Francisco em 390 municípios nos quatro estados [Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte]”, disse. A população rural difusa que reside ao longo dos canais - também conta com projetos paralelos de atendimento. “Para isso, a população terá apoio dos municípios e de suas companhias de abastecimento na gestão desses pequenos sistemas”, explicou.
O Projeto de Integração do Rio São Francisco é considerado a maior obra de infraestrutura hídrica do país. As obras serão concluídas em 2015. Além de gerar emprego e promover a inclusão social, o empreendimento vai garantir a segurança hídrica dos estados de Pernambuco, Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte.